Tags

, , , , , ,

Aceito, Para sempre.

POV Belinha

O som da água era reconfortante e me acalmava, tentava organizar tudo em minha mente, o que passei até hoje.

De como uma adolescente insegura se tornou uma nova espécie, uma hibrida de Vampiro, humano, e Lobo.

Eu sentia minha pele quente como sempre e meu coração batendo forte, podia sentir meu lado humana quando sentia meu sangue correndo nas veias, mas ao mesmo tempo eu sentia a minha força cem vezes aumentada, meu corpo duro como rocha, também tinha as transformações, que agora eram simples e sem esforços.

Eu me sentia bem.

Eu ainda me alimentava de comida humana, mas quando caçava a carne e o sangue animal me saciavam melhor me deixando mais forte, meu sono era algo diferente, eu dormia, mas podia ficar horas sem ele que não me fazia falta, era um misto de sensações, que teria de me adaptar agora.

Lembrei de quando eu cheguei das férias e de minha festa de aniversário quando dancei com Edward, era algo inocente e puro, estar nos braços de alguém que me passava segurança, de meus sentimentos se confundindo e eu sem saber o que fazer.

Lembrei de mim insegura em meu primeiro dia de aula em Forks, de como eu me sentia deslocada em meio a todos.

O destino me reservava algo maior e hoje eu não sou deslocada, eu pertenço a todos os mundos.

A imortalidade era algo que me animava, várias possibilidades nem o veneno de vampiro me mataria, eu era a alpha e assim poderia proteger a todos sem medo.

Estava ali sentada na beira de uma rocha observando a cachoeira, tentava focar em tudo, menos em Alice, pois estes últimos meses foram impossíveis de aguentar, entra prova de vestidos, entre tentar decidir cores de decoração, lista …eu estava farta e disse que ela fizesse o que achasse melhor, eu só queria paz.

_Quer paz sem mim???

Senti Edward se aproximando.

_Não, nunca quero me afastar de você.

Ele sentou atrás de mim e se encaixou, eu deitei em seu peito e sentia a paz que buscava, sempre em seus braços.

Eu o amava não tinha duvidas, nós pertencíamos um ao outro e depois de tantas provações e desafios vencidos, eu sabia que a eternidade seria vivida intensamente ao seu lado.

_Como se sente?

_Agora com você aqui, eu me sinto completa.

_Não, em relação ao casamento, acha que me precipitei?

_Edward- virei e o encarei nos olhos, focando para cada palavra sair de minha boca.- A nossa vida vai ser juntos, eternamente, então é bom começar a vive-la.

_Entendi, Belinha!

Ele ainda me encarava nos olhos e passava sua mão em meu rosto.

_Sim, fale!

_Eu te amo!!!

Eu sabia, mas era muito bom ouvir, neste instante meus lábios chegaram aos dele e como sempre a gentileza não era um dom que eu tinha, quando percebi eu já estava o empurrando na rocha e estava em cima dele, meu corpo era insaciável referente a Edward, ele pedia sempre mais, um beijo era pouco.

_Belinha…- Edward me afastou…- Calma, teremos muito tempo, agora temos que ir.

_Estraga prazer!!!! – fiz um bico, mas sabia que ele tinha razão, estava quase na hora e Alice devia estar louca atrás de mim.

_Você nem imagina como!!!- Edward deu um sorriso para mim.

(***)

MUSICA: lifehouse/between-the-raindrops-feat-natasha-bedingfield-traducao.html

O tecido do vestido envolvia meu corpo, Alice dava os últimos ajustes e quando me virou para o espelho, eu me vi ali.

Meus cabelos loiros estavam em uma trança solta, como não me transformava em lobo com freqüência deixei de cortar meus cabelos e como tudo em mim era diferente, eles logo estavam longos novamente.

Havia flores pelo penteado elaborado, o vestido era de um desenho simples, mas totalmente perfeito.

Senti que meus olhos se encheram de lágrimas, quando Alice correu com um lenço.

_Pare com isso, vai estragar a maquiagem.

Meus pais entraram no quarto e minha mãe me abraçou

_Filha, boa sorte, eu vou ao meu lugar.

Ela se retirou e meu pai permaneceu ali, estava de terno, coisa rara .

_Então, você vai casar!

_É vou!

Encarei meu pai e logo o agarrei com um forte abraço.

_Calma filha, não esqueça que não sou tão forte!!

_Tudo bem!! Está pronto?

_Sim e você?

_Sempre!!

Fomos até a porta de nossa casa, o casamento seria no jardim, era pequeno, mas como não deixei que Alice exagerasse com a lista de convidados, o local era perfeito para familiares e amigos.

A música se iniciou e eu enganchei no braço de meu pai, caminhamos lentamente pelo caminho, cuidadosamente decorado com flores, era esplêndido que meus sentidos de Lobo ficaram muito mais intensos quando eu me tornei uma hibrida, eu podia facilmente andar até o altar e ainda ver os convidados.

Vi que quase todos da tribo estavam presentes, a matilha, até Leah veio, estavam sorrindo, isso era sinal da aprovação, de uma nova aliança.

Vi minha avó, que mesmo ainda se recuperando fez questão de estar presente, meu avô Charlie, senti um nó na garganta lembrando-se de meu avô Billie, pois quando era criança passava muito tempo com ele, ouvindo as tais lendas que hoje, sabia não serem somente lendas.

Ao lado de Edward, vi sua família, Esme tinha vindo ver o casamento, Carlisle, seus irmãos que estavam viajando também estavam lá, Emmett, Rose, encarei Alice e Jasper ao seu lado, percebi alguns amigos diferentes, senti que eram vampiros também, vi que Benjamin estava lá, mas sozinho, seu pai não estava ali.

Mas ao encarar o altar, mesmo com meus sentidos perfeitos, eu não tive mais foco para nada, eu somente tinha foco para ele.

Edward estava lindo, de terno preto, seu sorriso mostrava que estava tão feliz quanto eu, não contive em manter um sorriso, nós nos encarávamos agora como se ao redor não tivesse mais ninguém.

O caminho pequeno agora era longo, eu queria logo estar lá ao seu lado, casar e ser sua.

Edward lendo meus pensamentos me enviou um beijo discreto, estava perto, só mais alguns passos.

Quando chegamos ao altar, meu pai entregou minha mão para ele, ao tocar sua pele, como sempre sentia uma descarga emocional grande.

Ficamos encarando um ao outro, até ouvirmos as palavras do reverendo.

_Estamos reunidos hoje aqui, para celebrar a união de Edward Anthony Masen Cullen e Sarah Bella Black…

Eu ouvia tudo que o reverendo falava, mas ao mesmo tempo eu encarava Edward pelo canto dos olhos, era uma emoção sem tamanho, era isso que realmente eu queria, ser dele eternamente.

Meus olhos seguravam as lágrimas, mas na hora de nossos votos eu não contive, sabia que ia receber uma bronca de Alice.

Mas ouvir da boca de Edward ali na frente de todos, aquilo que eu já sabia, que seria meu marido para sempre. A frase final foi a mais emocionante.

_Eu aceito, para sempre. – Edward disse, e eu repeti.

_Eu aceito, Para sempre.

Foi quando nossos lábios se encontraram antes mesmo do anúncio do reverendo, que o deu mesmo assim.

_Então os declaro marido e mulher e pode …. beijar a noiva…

Mas já estávamos nos beijando e sem perceber minhas mãos estavam em seus cabelos, como eu me esquecera da presença de todos, foi Edward a se afastar e sussurrar em meu ouvido.

_Calma teremos muito tempo.

Sorri para ele e respondi a maior verdade de todas.

_Sim teremos, para sempre!!!!

(***)

A festa estava correndo muito bem, recebemos os comprimentos um a um, quando Benjamim chegou para me cumprimentar.

_Parabéns Belinha, você merece.

Eu não me contive, tive que perguntar ali mesmo.

_Onde você esteve? Depois da luta com Tânia? Eu não te vi mais, depois que eu acordei e seu pai onde está?

_Desculpe por sumir, mas depois de tudo, meu pai resolveu que já tínhamos nos envolvido de mais nos seus assuntos, então fomos embora, mas quando recebi o convite de seu casamento mesmo contra a vontade dele, eu tinha que vir e prestigiar minha amiga.

Eu sabia que para ele era difícil, Edward havia me contado que ele nutria algum tipo de sentimento por mim, então eu o abracei.

_Obrigado!!!

_Eu fiquei preocupado com você, mas quando consegui ligar Alice me contou que você estava bem só que estava diferente, gostei de seus novos olhos.

Senti Edward se enrijecendo ao meu lado, mas Benjamim logo se afastou.

_Calma Edward.

_Eu já te disse, não gosto do que ele pensa e mesmo você casada ele fica com pensamentos nada discretos.

_Pare com isso, exatamente casada e com você.

Logo chegaram os vampiros diferentes que eu não conhecia, para nos cumprimentar:

_Parabéns Edward e desculpe por tudo que a Tânia causou.

Sim era os Denali, o clã de Tânia, senti uma pontada de culpa, mas Edward afagou meus ombros para que eu me acalmasse.

_Desculpe-nos também, mas foi o único modo de resolver. – Edward respondia.

_Ela estava descontrolada, não tinha outro jeito.

A dança iniciou e depois da tradicional valsa dos noivos, a pequena pista montada perto da floresta, recebeu mais casais, tanto vampiros, quanto humanos e quanto lobos.

E a música que se iniciou me surpreendeu:

Milye Cyrus:

_O que é isso, uma festa adolescente agora? – perguntei encabulada.

_Não sua bobinha, é para lembrarmos nossa primeira dança, o momento em que comecei a me apaixonar por você.

Era reciproco, pois nesta dança que meus sentimentos começaram a ser confundidos.

_Mas aquela Belinha não existe mais.

_Claro que existe, ela esta aí dentro, junto com a loba alpha, junto com a guerreira, com a líder e junto da nova Belinha.

Eu sabia o que ele queria dizer, dentro de mim havia várias e eu convivia com cada uma, ele amava cada uma.

Então ficamos ali embalando ao som da musica, como se ninguém mais estivesse ao nosso redor.

As lembranças invadiam minha mente e sabia que estava partilhando isso com ele, pois ele lia cada memória em minha mente.

E eu estava preparada para construir novas lembranças, pois teríamos a eternidade para isso.

__________________________________________________________________

Notas finais:

Estamos na reta final…

bem sei que todos amaram esta fic, e o próximo capítulo será nosso último… snif snif…

mas não fiquem tristes, logo teremos a Prometida 2, e quem sabe a inspiração não bate mais.. beijos a todos .

Izis

ai vai uma notinha da minha amiga que me ajuda com a s betagens desta fic:

N/B: OMG!!!

Ela está em seus últimos acordes…#suspiro

Estou imensamente feliz por ter betado essa fic, ela é incrível, um universo diferente e alternativo, mas muito lindo….Amo esse  Edward e a Belinha…Parabéns Izis!!!

Anúncios