Tags

,

Bem pessoal do Blog TCMB, como presente de despedida preparei uma surpresa para vocês.

Quando comecei a escrever Paixão em forks, eu tive a simples ideia de escrever uma versão quente do romance deles, mas como todo autor a inspiração o leva a caminhos diferentes.

Quando a Izis assumiu as minhas histórias, eu passeia para ela as duas alternativas de final, Izis optou por fazer Bella escolher Jacob, pois assim ela conseguiria fazer uma sequencia.

Esta sequencia está muito boa, e ela está de parabéns, mas achei justo com muitas de minhas leitoras estarem a parte da minha versão original de final.

postarei para vocês o outro final que escrevi, e este segue abaixo:

Beijos a todos  Dilla.

A Escolha Certa

Cair no Banho foi a desculpa mais simples, porém bem aceita por todos, quem não cai no banheiro?

A minha mente andava era preocupada com outro aspecto vital de minha vida, a minha escolha.

Edward insistia todos os dias na questão do Baile, e Jacob, me apoiava como um cavalheiro.

Mesmo ainda estando de compromisso com ele, nosso contato intimo ainda era restrito, e o fogo que imanava de minhas veias estava cada dia difícil de aguentar, principalmente por observar a cada dia Edward na escola, e o seu pedido ecoar em minha mente por vinte e quatro horas do dia.

Alice e eu se tornamos inseparáveis, e minhas visitas eram constantes em sua casa, certo que eu evitava ao Maximo estar muito próxima de Edward, pois a tentação era grande de mais.

O assunto do Baile era assunto geral entre todos, e Alice não estava diferente, sua empolgação era extrema.

Ângela era uma ótima amiga, mas o que me fazia estar mais cúmplice e próxima de Alice era saber exatamente da verdade.

Em uma tarde decidimos ir as três fazer compras para o baile. O horário escolhido foi perto do fim da tarde, Alice deu a desculpa de ter muitas coisas para fazer, mas a verdade era que o dia não estava tão nublado como o de costume.

Chegamos as lojas, e todas provaram vestidos, mesmo eu insistindo que não iria ao baile.

-Bella quase todos se matam por um convite destes, e você tem esta oportunidade, e vai jogar fora?

-Ângela, é complicado!

-Sei, muito complicado, o gato do Edward te oferece um convite e você rejeita, eu não pensei duas vezes quando fui convidada por um rapaz do último ano, e olha que eu nem o conheço direito.

-Vamos Bella prove este.

Alice pegou um vestido, um dos mais lindos da loja e trouxe para eu provar.

-Perfeito!! – Ângela batia palmas e ela estava certa, ficou perfeito, o vestido era azul escuro, com rendas na região do busto, e descia uma saia longa, com a fenda até a coxa, meu corpo ficava quase totalmente escondido, mas em um misto “sex”, ele estava escultural, esplêndido, esta sim era a palavra.

Como por impulso peguei a etiqueta para ver o preço.

-Meu Deus!!! Alice tire este agora, mesmo que eu fosse ao baile, não seria este que eu compraria, deve custar dois salários inteiros de meu pai.

-Calma, Bella, era só para provar, e como ficou perfeito, parece feito para você.

-Pare com isto, vocês já escolheram, agora vamos embora.- Ao me virar para o espelho era como de relance eu tivesse visto o reflexo de Edward no espelho. Balancei a cabeça,retirando este pensamento,  ultimamente Edward estava ocupando meu pensamento a cada instante.

Fomos para casa, e a noite sempre Jacob estava comigo, ficava até uma certa hora, e depois ele pulava minha janela e me fazia dormir.

Era nossa rotina, que ultimamente estava meio estranha, era como se ele sentisse minha mente longe.

A noite do baile chegou, e eu estava decidida a não ir.

Naquela noite antes de se despedir oficialmente na frente de meu pai, ele estava distante.

-Tchau, Bells, e boa noite.

Ele me puxou para um beijo, e sua boca encontrou a minha e a sede voraz invadiu seu ser, ele colocou sua mão em meus cabelos e sua língua invadia minha boca, mas meu pensamento voava e não era Jacob em minha mente e sim Edward, o que me deixava arredia. Jacob se afastou e me encarou.

-Bella, eu não estarei em seu quarto esta noite.

-Por que?

-Você sabe o porquê, Bella Vá ao Baile.

-Mas eu não quero.

-Você precisam, todos temos que fazer escolhas e sua hora chegou.

-Jacob…

-shi..- ele colocou a ponta de seus dedos em meus lábios._ não fale nada, eu sei o que se passa em seu coração, e sei que não serei feliz ao lado de alguém dividido, faça sua escolha, sem culpa, e hoje vá ao Baile livre, simplesmente como Bella, não minha não dele, e decida qual rumo a Bella vai tomar.

Ele tocou minha testa com seus lábios quentes, e foi embora em sua moto, eu fiquei por um tempo paralisada na porta, até que meu pai me trouxe a realidade.

_Bells, o que faz ai no frio?

Subi para meu quarto, e peguei minhas coisas para um banho, eu já havia dito não a Edward, e não tinha nem traje, estava certa de não ir a este baile.

Musica:  Adele,  Someone like you: (Alguém como você)

http://www.vagalume.com.br/adele/someone-like-you-traducao.html

Entrei no chuveiro, e ao cair da água quente em meu corpo, foi neste instante que percebi o quanto estava gelada, com minhas mãos eu esfregava meus braços em um intuito de me aquecer, em instantes eu percebi que minha mente me levava a Edward e a Jacob, e que eu realmente tinha que fazer uma escolha, era triste pensar assim, pois as lembranças de cada um eram muitas, e únicas:

(**)

“-Jacob, pare de me assustar ou eu conto para sua mãe”

Jacob e eu sempre fomos amigos, e sempre fomos muito íntimos. Quando sua mãe morreu tentei ser a melhor amiga:

“Jacob, sei que está sofrendo, _ eu o abracei,- lembre-se que pode contar comigo.- nossos olhos se cruzaram e foi quando nos beijamos pela primeira vez.”

Quando voltei a Forks:

“-Bella! Que saudade! Você não mudou nada.

-Não posso dizer o mesmo de você! O que houve?

-Nada, só estou trabalhando e malhando um pouco.

-Ual!!! “ eu disse em voz alta, que mancada .” imediatamente fiquei vermelha.

-Retiro o que disse você esta cada dia mais linda.”

“-Eu peço desculpas, mas tenho que dizer que me lembro daquele beijo a cada dia.

-Jack!

-Não Bella, eu tenho que dizer, foi mágico e nunca senti co ninguém o que senti naquele simples beijo.

-Foi meu primeiro beijo, sabia?

-O meu também.

Ele se colocou ao meu lado e pegou minha mão e voltamos a caminhar.

-Você estava com alguém em Phonix.

-Não, quer dizer nada sério.

-Então tinha alguém?

-Não, sabe como são os garotos hoje em dia, hoje beijam você amanha outra e nada sério.

-Eu não sou assim.”

Após nos beijarmos na arvore, que foi quente o bastante para me fazer tremer as pernas e meu coração começar a aquecer com seu nome.

Mas minha memórias me levavam ao meu primeiro dia de aula, conhecer Edward me trouxe algo novo e mágico.

Nosso primeiro contato foi constrangedor.

“Durante a aula ele me encarou com um olhar intenso aquilo estava passando dos limite eu tinha que fala com ele mas minha voz se perdeu, quando a aula terminou tentei sair tão rápido que tropecei em algo, mas atrás de mim estava Edward, ele me segurou.

-Cuidado você tem que olhar por onde anda.  –sua voz era como um sino, seu hálito era doce e estranhamente gelado.”

Mas o que me fez ficar intrigada mesmo foi a primeira vez que me fez sentir-se extremamente em êxtase foi atrás do  ginásio:

“Quando estávamos atrás do ginásio, e ninguém por perto ele segurou meu pulso e me girou, deixando minhas costas na parede, me encarou com aquele olhar agora escuro, um arrepio de medo percorreu minha espinha.

-Bella, me diga o que você está pensando?

-Agora!! São tantas coisas, o porquê de estarmos aqui?

Ele fechou seus olhos, e logo os abriu, ele me encarava com olhar de frustração como se quisesse saber algo.

Eu não entendia o que ele queria comigo, mau me conhecia e me arrastou ali atrás da escola, sem ninguém por perto, lembrei de que Jessica disse que ele teve problemas em sua antiga cidade e se mudou, meu medo aumentava.

Ele chegou perto de meu pescoço e sentiu meu cheiro e sussurrou em meu ouvido.

-Não sei quem você é Isabela, só sei que se existe inferno você é o meu.

-O que você quer dizer com isso.

-Você despertou em mim algo que não sentia há muito tempo.

Fiquei tentando entender o que ele dizia, mas era inútil ele ali tão perto não conseguia nem pensar direito.

-E.. O.. Que seria?

-Desejo!”

Este desejo o levou a se afastar de mim, e o levou a Tânia, o que depois fez que me causasse problemas, mas após sua volta ele se entregou a experiências:

“-E hoje, você veio aqui para fazer o que?- ele parecia me hipnotizar.

-Matar minha curiosidade! Queria fazer uma experiência, quero provar algo! – meu corpo ficou imóvel, o que ele queria? Experiência? De que tipo?”

Eu sentia sua mão fria, mas com todas as partes de meu corpo eletrizadas, era uma sensação tão boa, sua mão desceu a minha clavícula e foi parar em meus seio, e em seguida parou em minha cintura.

-Seu corpo é perfeito.

Eu mantinha-me calada, queria curtir o momento, como durante o dia na clareira, ele parecia querer decorar meu corpo.

-Posso testar uma coisa?

OMG, o que ele queria, eu não queria parar, imaginava aonde isso iria chegar.

Ele me segurou com as duas mãos em minha cintura, chegou perto e seu hálito me causava calafrios.

Fechei os olhos, ele se aproximou lentamente.”

Mas também me lembrei de que ele me abandonou e isso trouxe espaço para Jacob entrar, e foi com Jacob que tive minha primeira vez, foi Jacob que me tornou mulher.

“Meu coração estava acelerado, ele foi bem lentamente introduzindo seu membro em mim, logo a dor passou dando lugar a um prazer imensurável.

Fechei os olhos por um instante, mas ao abri-los me deparei com os olhos de Jacke me encarando, apoiando-se com os cotovelos, uma de suas mãos acariciou meu rosto.

-Bella, você é linda. – seus olhar era intenso carinhoso.

Seus movimentos eram lentos, com muito cuidado, o prazer que sentia ia cada vez mais aumentando.

Agora eu estava realmente entregue a Jacke, ele percebeu que relaxei e intensificou seus movimentos, eu com minhas mãos cravava minhas unhas em suas costas, ele gemia juntamente comigo, seu calor me fez suar.

O carinho deu lugar a luxuria, eu abria mais minhas pernas dando passagem a jacke, eu me arqueava.”

Depois,mesmo estando afastado ele me mostrou a sua preocupação comigo.

A minha primeira vez com Edward foi tão maravilhosa, mas ao mesmo tempo me trouxe um arrependimento que em nenhum momento eu tive ao estar com Jacob.

 

Eu sabia que os dois me amavam, e sabia que eu os amava, bastava eu decidir qual amor valeria a pena, qual me completaria e a qual eu poderia estar mais segura .

(***)

Foi quando percebi lagrimas escorrerem em meu rosto, eu desabei e me sentei no chão do Box, e me balançava de um lado para o outro tentando achar uma solução, somente percebi que minhas mãos apertavam meus braços quando a dor intensa me invadiu.

-Bells, está tudo bem??

Meu pai batia na porta preocupado, Obvio  depois de meu  suposto acidente no banho, uma demora destas era de se preocupar.

-Tudo bem, eu já estou saindo.

Sai do banho somente com a toalha, e fui me trocar. Ao entrar no quarto o espanto me percorreu, em cima de minha cama estava exatamente o vestido que provara na loja com Alice, e em cima um bilhete.

“Se você resolver ir… este fica perfeito em você…

                                                                             Edward.”

Levantei o vestido e para minha surpresa, em baixo uma lingerie linda preta, ele tinha pensado em tudo.

Ao olhar no espelho a sensação de ser uma Cullen me invadiu, eu tive um deslumbre da vida como seria ao seu lado, eu sabia que estando com Edward eu teria de abrir mão de toda a minha vida da forma que a conheço.

Casar-se e como mostrar a todos um marido que não envelhece, ou como eu poderia estar ao lado de um imortal, eu sabia a resposta bastava saber se eu queria este destino para mim.

Com Jacob tudo seria mais fácil, a vida seria normal, eu poderia casar um dia ter filhos, e não abandonar a ninguém.

Depois de uma maquiagem, e erguer meu cabelo, eu desci as escadas de casa, com a sensação de estar fazendo a escolha certa, eu já sabia o rumo que minha vida seguiria.

_aonde vai Bells?

_ao baile, pai.

-Ué ? como e com quem?

Neste instante uma batida na porta respondeu a perguntas de meu pai.

Ele estava ali lindo e perfeito, com seu rosto que sempre parecia ser esculpido de uma pedra.

Nada foi dito, nem sequer uma palavra, ao abrir a porta do carro, ele me encarou com seus olhos dourados,tentando me decifrar, rapidamente assumiu o volante e seu sorriso torto e malicioso voltava-se para ,mim.

Sorri maliciosamente, como se fosse para lhe dar uma pista de minha escolha.

POV Edward

Eu sabia que ela ia comprar vestidos, e fiquei observando de longe, minha irmã sabia exatamente o que tinha de fazer, e certamente ela fez o melhor, o vestido que Bella provara, estava espetacular, era como se fosse feito para ela, estava linda, e era este que eu iria comprar.

A noite estava caindo, e fui até a casa de Bella e vi quando o Cachorro saiu de lá, e para ,minha surpresa ele sabia que eu estava por perto.

_ei seu sanguessuga, venha aqui.

-O que foi cachorro?

-saiba, que independente da escolha dela você tem que aceitar como eu estou aceitando isto.

-E se ela me escolher?

-Há uma grande chance disto acontecer, eu sei, mas não poderia a fazer feliz se o desejo dela for estar com você.

-igualmente, se sua escolha for você eu aceitarei, mas espero que quem fique com ela a faça feliz.

-E espero que nunca a magoe.

E ali nos firmamos um pacto que qualquer que fosse a escolha de Bella, aceitaríamos e não interferíamos.

Peguei em meu carro o vestido e escalei sua janela, percebi que estava no banho, coloquei o vestido em cima da cama e a lingerie.

Fui até meu carro certo que ela viria, e quando ouvi sua conversa com seu pai, sabia que era minha deixa.

Ela entrou no carro e ao eu entrar sorri para ela maliciosamente e o sorriso foi retribuído, as cartas estavam na mesa, e o jogo começava.

Quando chegamos o baile já estava em andamento, então a convidei para dançar, os olhos dos alunos eram voltados a ela, e todos pensavam em quanto elas estava linda. Sim Minha Bella estava radiante.

http://www.vagalume.com.br/calvin-harris/feel-so-close-traducao.html

Calvin Harris- Fel só close – Me sinto tão perto

A musica eletrônica não era meu forte, mas eu acompanhei os embalos de cada movimento que seu belo corpo fazia.

A letra da musica era exatamente o que eu estava sentindo naquele momento.

“Eu me sinto tão perto de você agora
É um campo de força
Eu sou bastante passional, como se fosse grandes coisas
O seu amor derrama em mim, me cerca como uma cachoeira
E não há como nos parar agora
Eu me sinto tão perto de você agora”

Cada embalo de suas curvas, refletindo as luzes, e minha mão estava com vontade de toca-la.

Prontamente Bella me encarou com seus olhos, e pegou minha mão e colocou em sua cintura, e ela rebolava intensamente.

minha mão não se conteve ao desejo e a forma que ela me encarava, ela traçava a cada curva, com desejo, como eu a desejava agora, era como se ela estivesse respondendo a minhas duvidas.

Ela virou-se e ao embalo, roçava seu corpo no meu, senti que seu corpo quente suava, e a musica foi se esvaindo, mas seus movimentos continuavam.

A musica terminou e uma lenta iniciou-se:

Dido- Whit flag – Bandeira Branca

http://www.vagalume.com.br/dido/white-flag-traducao.html

foi minha vez de assumir os paços, eu a virei e a encarei, entrelacei meus dedos nos seus, e a puxei  para perto de mim, envolvendo sua cintura.

Eu podia sentir seu cheiro, e o suor que saia de seu corpo, deixei que o som da musica embalasse nossos movimentos, ela fechou seus olhos e colocou sua cabeça em meu ombro.

Senti sua respiração desacelerar, e isso significava que estava à vontade em meus braços.

-Edward.

Ela quebrou o silêncio:

-Sim, – não havia nada mais lindo que sua voz, quando estava nervosa.

-eu pensei em tudo, em todas as possibilidades.

-E?

-Sabe que se eu ficar com você terei de enfrentar muitas coisas.

-Sim, e por isso está livre para decidir o que quiser.eu sei que não sou digno de ter seu amor, e é um risco..

-Shi.. deixe –me falar..

-Tudo bem, continue.

Ele falava, e sua cabeça permanecia em meu ombro, e sentia que seu coração estava sereno então qualquer decisão que tenha feito ela estava convicta.

-Eu quero enfrentar qualquer coisa, desde que esteja ao seu lado.

Quando ela falou isto, meu impulso não foi outro a não ser a pegar e encarar, e sim a verdade estava ali, ela estaria comigo a qualquer custo e eu estaria com ela.

Aproximei meu lábios nos seus, e senti sua respiração acelerar, meus lábios tocaram os dela, e impetuosamente ela agarrou meu pescoço, esquecendo-se que ali estava um vampiro.

Mas minha sede era controlada, e invadida pelo desejo por Bella. Separei nossos lábios por um instante, e enquanto ela buscava fôlego, fiz um convite.

– Vamos a um lugar melhor?

-Sim, com você eu vou até o fim do mundo.

-Olha que com um vampiro há muitas possibilidades.

A levei até minha casa, estávamos sozinhos:

http://www.vagalume.com.br/lana-del-rey/blue-jeans-traducao.html

Blue Jeans: Lana Del Rey

 

A levei até a sala do piano. E toquei para ela a canção dela, ela chegou por traz de mim e enroscou em meu pescoço, e beijou o lóbulo de minha orelha.

-Acho que viemos aqui não para tocar piano.

-Sim ,- me virei e a puxei para meu colo,  a beijando, e logo cheguei a seu pescoço.

Puxei seu vestido, e o rasguei.

-Calma Edward, este vestido foi caro.

-De onde veio este virão muito mais para você.

Seu corpo era deslumbrante, e meus beijos foram descendo e chegando a sua intimidai, e novamente provei seu mel, Bella gemia no banco do piano, e quando senti seu orgasmo chegar, a peguei e ergui em cima do piano e provei de seus seios, ela já estava em estremo êxtase.

Então coloquei meu membro em sua entrada, .

_oh-Edward.

-Minha Bella.

-Sempre sua.

Ao terminar de ama-la, seus olhos me encaravam de forma enigmática.

-O que foi Bella?

-Sabe que para ficar com você para sempre tem algo que teremos que resolver.

Eu sabia que ela estava questionando a imortalidade. E isto era algo que teria que ser bem planejado.

_Bella, eu farei o necessário para ter sempre você ao meu lado.

_eu também Edward.

Então com um beijo selamos nosso amor e pacto eterno, e ali começamos novamente a se amar.

Fim

Então galerinha TEAN EDWARD?

O que acharam deste final especial para vocês?

Desculpe se foi comprido de mais, mas quando escrevi estava inspirada, matando as saudades de vocês.

Então continuem acompanhando a versão da Izis Para Paixão em Forks 2.

Beijos a todos Dilla

Anúncios