O teatro: ato 1 “o colegial”

Acordei,  fui me arrumar, coloquei um Jens, uma camiseta de manga longa  e uma jaqueta, tive que lembrar da jaqueta seria estranho em uma cidade fria eu não andar agasalhada , procurei não pensar muito em todas as informações novas de ontem,queria minha mente concentrada no dia de hoje, não estava mais nervosa eu estava era apreensiva, o disfarce tinha que ser completo tinha que repassar na minha memoria todas as informações importantes, eu não podia vacilar uma resposta errada, um deslize e o disfarce ia embora , bem, agora eu to nervosa , de repente algo arranhou a janela de novo , fui abrir e era ele Jake ele fez uma manobra maravilhosa e subiu no quarto.

-Isso me traz lembranças- disse ao pular pra dentro.

-Porque ficam dizendo isso? _

-Ficam?

-O meu pai teve aqui ontem , disse quase a mesma coisa.

-hum! Entendi, e ai? Nervosa? vim lhe desejar sorte.

-Estava ficando, mas ai você chegou, você me acalma- abracei ele pela cintura, senti seu cheiro isso realmente me acalmava.

-Não vai ser tão ruim Ness, é só você ser você mesma, você faz qualquer um se encantar por você, veja até leah que não gosta de ninguém gosta de você , você vai fazer amigos fácil! Ele sorriu aquele sorriso lindo. E ai me deu um beijo terno na testa.

-Sabe eu posso me acostumar com isso.

-Se acostumar com o que?

-De saber que vou ter você pra sempre! Meu jake! – depois de saber a verdade foi fácil voltar a dizer isso sem culpa, era a verdade eu só teria que descobrir como eu queria meu jake.

-sempre Ness !  Sempre estarei com você não importa como ! Agora ande logo, ou vai se atrasar.

“Desci e fritei ovos com bacon pra comermos, Charlie já tinha saído cedo e deixou um bilhete de boa sorte, jake olhou o relógio, e jogou minha mochila rapidamente pra mim”.

-Ness, vá!  vai se atrasar no seu primeiro dia, deixa eu lavo a louça e deixo a chave no lugar.

-Tchau, até depois , disparei para fora de casa e entrei em meu carro, liguei o som maneiro que Tio Emmett e Tio Jasper me deram.

(Musica)

http://www.vagalume.com.br/coldplay/every-teardrop-is-a-waterfall-traducao.html

ColdPlay “Every teardrop is a waterfall” “ cada lagrima é uma cachoeira”

(***)

-o estacionamento já tava lotado, no primeiro dia as pessoas chegam cedo para poder ver seus horários com paciência achar as salas , estacionei numa vaga perto da secretaria e quando desci Rick me avistou de longe, que legal agora tenho que aguenta ló aqui obrigada ti Alice, mas pensei que tinha ser amigável afinal eu não conhecia ninguém então vamos lá o teatro começar:

-e ai Reneesme como estava o piquenique?

-tava divertido ,tinha comida , piadas e ate um drama familiar.

-humm como sempre dizem  família feliz é família reunida

-então já pegou seu horário ?

-já eu cheguei bem cedo e ai tava esperado você vamos lá pegar o seu.

“peguei meu horário e Rick ficou contente de ter pego duas aulas comigo inglês e calculo, mas ficou desanimado que sua primeira aula não era juntos então fui para o prédio que ficava  a aula de espanhol, durante o caminho comecei a sentir vários cheiros diferentes uns melhores outros normais era como passar em uma rua cheia de restaurantes diferentes mexicano chinês italiano, mas como você esta de barriga cheia não lhe da fome só vontade, eu sabia isso pois sabia diferencia todos os cheiros de comida humana e da minha outra alimentação, não era como um vampiro normal eu passa mais tempo sem caçar do que qualquer um de minha família e ate não precisava ser grandes as presas o fato de eu querer os maiores era só provocar uma competição com jake, passando por esses cheiros diferente pensei que teria que caçar um pouco mais ate me acostumar.

Entrei na sala meio insegura, mas ao entra eu me sentei numa carteira vazia e vi outra menina do meu lado senti que ela tava com cheiro de medo, então olhei para ela e sorri foi automático ela começou a tagarelar.

-oi, e ai como e seu nome eu sou a Susan burk

-oi sou Reneesme  cu…swan -quase-

-hum ?swan é parente do cheff?

-sobrinha vim morar com ele, meus pais eles viajam muito e achei melhor fazer todo colegial em um único colégio, atrapalha pra entra na faculdade fazer o colegial em frações

-a sim , você ta nervosa?

-Um pouco cidade nova colégio diferente e de dar medo!

-quanto a cidade não sei sempre vivi aqui  mas é diferente! O colegial!!

-então eu sou a srt sofia  malaquinos  e serei sua professora de espanhol começando pela primeira fileira nome ?

Era a deixa pra parar com a conversa

Sai da sala e fui indo a sala de inglês que sorte era no mesmo prédio de línguas, Rick veio correndo

-e ai como foi sua primeira aula?

-legal ate arrumei uma amiga e você?

-que legal eu também bati papo, sabe vai ter teste pros calouros pro futebol sexta no ultimo horário eu vou me escrever, você vem me ver ?,Todos vão ser dispensados por causa do teste

-sei lá? Será que ate sexta eu to viva?

-a René vamos a sala e ali, há posso te chama assim ?

-René e o nome de minha avó Rick, acho que é melhor não

-ta explica um pouco seu nome, mas é que é comprido.

-ta legal! Rick minha família ou parte dela me chama de Nesie

-a sei como monstro do lago Nesie.

-há há Rick!! Já ri de sua piada sem graça

Estávamos sentando nas ultimas cadeiras

-bom dia  turma sou sr Walter professos de inglês, todos vão descobris seus nomes logo e sem delongas peguem os cadernos e vamos tomar nota dos livros para serem lidos esse semestre.

Peguei o caderno e fiquei feliz  de já ter lido a maioria.

Minha próxima aula era calculo, Rick e Susan estavam nessa

-então você também é novo na cidade como a nesie? Susam perguntou

– sim

-de onde você vem?

-jacksonvill

-minha avo René mora lá. – ta certo que ela não sabe que sou sua neta legitima, acha que sou só mais uma adoção da família Cullen.

-rimos juntos

-que coincidência – Susan disse

A aula seguinte era um pouco mais difícil pois era educação física tive treinando algumas jogadas de vários esportes com tio Emmett  em velocidade humana,mas eu tinha um espirito muito competitivo e isso atrapalhava eu sempre roubava um pouquinho

Mas hoje foi tranquilo o treinador Clamp só fez um joguinho para dar uma dinâmica nas apresentações tínhamos que falar nosso nome e que que esporte gostava e porque , ta certo que eu  me empolguei um pouco e falando de beisebol

No refeitório fui me sentando em uma mesa vazia, mas que  foi ficando cheia Susan chegou com uma amiga Megam lowth, e Rick se sentou com um rapaz que acho te lo visto na educação física e tinha sim

-ei nesie o Bill aqui disse que seu comentário sobre a temporada de beisebol superou o da SPEN

-é que eu me empolgo quando o assunto e beisebol é o passa tempo preferido de minha família.

-e de onde você vem? Megan perguntou megan tinha o cabelo negros e lisos e uma pele tão branca que se não fosse suas bochechas coradas e seu cheiro eu diria que era uma vampira e pra ter o contraste ela ainda usava roupas todas pretas acho que era adepta do estilo gótico.

-Vim de phonix- combinamos de eu usar quase a mesma historia de minha mãe, assim ficava fácil de não se perder nas mentiras.

-humm ! lá tem muito sol e você não parece vir de lugar com sol, -eu era tão branca quanto ela- fiquei reparando as diferenças de Susan com ela e me perguntando se essa amizade ia longe,Susan era loira com o cabelo na altura do ombro, tinha jeito de ser aquelas meninas românticas que sonham com o príncipe.

-vou te confessar Megam, eu acabava com o estoque de protetor solar da cidade.

-eu te disse que ela era legal!que máximo vamos ser todas amigas!! Susan parecia tia Alice falando.

– e você Rick, já fez amigos?

-o Bily aqui, e tem um camarada o Roger ele me falou do teste para o futebol na sexta no ultimo período, ei nesie você vem me ver?

-acho que sim, que vocês acham meninas vamos ver os rapazes no teste sexta-feira?

-por mim tudo bem –susam disse

-ta vou pensar -Megam respondeu mas pareceu não querer ir

Depois fui pra aula de historia, estavam Susan e megam sentamos perto

Durante a aula o professou comentou uma exposição que estava em port angls ele queria que víssemos, era algo que ajudaria nas aulas nesse primeiro semestre.

A ultima aula era de biologia cheguei atrasada, Susan começou a tagarelar, estava animada para a exposição pretendia se organizar pra ir em uma sexta

Me sentei no único lugar vago era de um rapaz moreno ele já puxou assunto

-oi e ai qual seu nome?

-é Reneesme, e o seu?

-Cara isso é nome? O meu é Roger.

-Cara isso é nome?_ repeti

-ta bom essa eu mereci!

-meu amigo Rick falou de você ,vão fazer teste pro futebol

– a sim Rick!  Vamos!

-que legal

A aula foi rápida então sai da escola entrei  em meu carro e respirei fundo soltei o ar

-Consegui!

Foi um bom teatro, conversei com muita gente fui amigável arrumei amigos e já tenho ate compromissos escolares um teste de futebol pra ver, um passeio para ir, é acho que todos vão ficar contentes.

Chegando a casa de Charlie mal entrei o telefone tocou

-alo e ai filha como foi?

-foi ótimo mamãe já arrumei ate amigos.

– É nisso você se sai melhor que eu, Ai Edward, seu Pai quer Falar.

-oi querida tudo tranquilo

-tudo pai foi tudo bem!

-que bom e  ai você volta pra casa quando

-pai eu to fingindo mora aqui lembra .

-sei querida, mas você pode vir um pouco aqui.

-sei pai assim você fica tranquilo sabendo como foi meu dia por seus olhos.

-não e isso

-sei eu passo ai depois ta.

-beijos todos mandam beijo

Mal desliguei o telefone tocou de novo.

-alo oi querida como foi?

-foi ótimo vovô

-Que bom te vejo mais tarde? –

-Sim vou estar aqui.

Pronto! Missão cumprida.

Quando desliguei o telefone me virei e ele estava lá , meu Jake!

Anúncios