Olá galera

como prometi estou aqui com a novidade  para o blog TCMB:

Uma nova Fanfic.

Teremos uma Fanfic, de Edward e Bella.

“Starless Night.”

trata-se de uma versão do livro “Lua Nova”, na visão de Edward, como na História original, Edward não está presente, essa fic irá retratar os acontecimentos com ele, seus sentimentos quando esteve longe de Bella.

espero que gostem dessa fic, segue para vocês o Prefácio:

Beijos

Starless Night.

Prefácio

 Em toda a minha existência, nunca ouve um momento de paz como este.

Deixei minha mente totalmente inercie e vazia, então a preenchi com lembranças, me lembrei de como minha garganta ardia com cheiro, mas também me lembrei de como o desejo por seu corpo superava esse instinto, senti uma dor imensa em saber que jamais iria sentir nenhuma dessas sensações, então foquei em meu objetivo, eu estava aqui para acabar com essa dor.

Eu dava passos lentos, mais lentos até do que os humanos, estava caminhando  para o fim, o fim de tudo, o fim da minha existência, tentei calcular quanto tempo levaria? Tentei imaginar se sentiria dor? No entanto  creio que nenhuma dor seria maior do que a dor que assolava meu ser agora, como eu queria poder chorar, queria poder sentir meu coração, mas se meu coração batesse ele teria parado no momento em que tive a certeza de que a razão de minha existência, já não existia mais, e um mundo sem ela não faria mais sentido.

Fechei meus olhos e a cada passo que dava em direção ao fim, eu tentava me lembrar de suas feições, de seus olhos, do ritmo de seu coração que não bateria mais, Alice tinha razão seu futuro seria esse desde que me conheceu, como seria se tivesse a transformado, tentei tirar esse pensamento e voltei a lembrar de momentos especiais.

Mais um passo, o relógio soou uma badalada, em minha mente estávamos naquela campina, com ela em meus braços, viva com seu calor, mais uma badalada e mais um passo, eu sorria com a lembrança era tão real, que até o som de sua voz estava nítido em minha mente, eu teria um fim feliz com sua voz gritando meu nome.

O relógio soou de novo, e o sol se pós no meio do céu.

Anúncios